Séries na Netflix em Outubro 2017

Mais um mês chega ao seu fim e a Netflix está renovando sua programação, desta vez trazendo 37 novos conteúdos só neste mês de Outubro 2017.  Os principais destaques são os novos episódios da série ‘Stranger Things‘, e as estreias de ‘Mindhunter‘, ‘Suburra‘, ‘Dynasty‘ e ‘O Universo de Stranger Things‘.

Tem também a estreia do elogiado ‘Os Meyerowitz: Família não se escolhe‘, estrelado por Adam Sandler, Ben Stiller, Dustin Hoffman e Emma Thompson; e ‘1922‘,  terror psicológico baseado no livro de Stephen King sobre a história de um homem que assassina a esposa.

Séries

01 de Outubro

Peaky Blinders

1ª a 3ª temporadas: O detetive de Belfast Chester Campbell é enviado a Birmingham com a missão de livrar a cidade de suas violentas gangues.

Gravity Falls: um verão de mistérios

Durante suas férias de verão, os gêmeos de 12 anos Dipper Pines e Mabel Pines são mandados para a cidade de Gravity Falls inspirada na cidade de Boring para viver com seu Tio Avô Stan Pines (mas chamado de apenas “Tivô” Stan), que é dono de uma armadilha para turistas chamada Cabana do Mistério.

Equestria Girls: Tales of Canterlot High

My Little Pony: Equestria Girls, ou simplesmente Equestria Girls, é uma linha de bonecas fashion dolls canadense-americano e uma franquia de mídia, criado pela Hasbro em 2013

 

06 de Outubro

SUBURRA



Suburra

1ª temporada: Série original Netflix. Três homens com passados e paixões diferentes precisam formar alianças para satisfazer suas mais profundas ambições. Baseada no livro  homônimo, Suburra é uma série de ação, drama e crime que retrata 20 dias de caos em 10 episódios de tirar o fôlego.

Designated Survivor 

2ª temporada: Série original Netflix, um episódio por semana. A preocupação com a conspiração cresce a cada dia e um entusiasmado advogado se une à equipe do presidente Kirkman. A agente Wells se alia a um brilhante espião britânico.

ID-0 

1ª temporada: Série original Netflix. Durante um exercício de campo com I-Machines, a estudante Maya Mikuri se vê em meio a uma aventura completamente inesperada.

 

A Smart.Touch desenvolve para seus clientes projetos de Home Theater e instalação de sistemas de áudio e vídeo personalizados e customizados, seja qual for seu estilo. SOLICITE ORÇAMENTO

12 de Outubro

Dynasty 

1ª temporada: Série original Netflix, um episódio por semana. A icônica série dos anos 80 retorna em nova versão. Dinastia segue a disputa por fortuna e filhos travada entre duas das famílias mais ricas dos EUA.

 

13 de Outubro 

Mindhunter

1ª temporada: Série original Netflix. Um agente da Unidade de Crimes em Série do FBI desenvolve avançadas técnicas de psicologia criminal ao perseguir notórios assassinos e estupradores. David Fincher, Joshua Donen, Charlize Theron e Cean Chaffin assinam a produção executiva.

 

15 de Outubro

Criminal Minds

12ª temporada: Na temporada 12, um novo agente se une à equipe para ajudar a investigar invasões de domicílio e sequestros, perseguir assassinos fugitivos e muito mais.

The Fosters

4ª temporada: Na série, os Foster vivem emoções fortes quando relações estremecidas e comportamentos instáveis criam uma reação em cadeia na família e na cidade.

 

20 de Outubro 

Arrow

5ª temporada: Agora, prefeito e protetor da Star City, Oliver reúne uma equipe de vigilantes novatos para combater a ascensão da criminosa Igreja Tobias.

The Flash 

3ª temporada: Depois de reiniciar a história, Barry curte a vida enquanto Kid Flash cuida dos criminosos. Mal sabe ele que um novo rival está chegando com tudo.

Suits

7ª temporada: Mike começa sua carreira como advogado legítimo enquanto Harvey começa a tentar obter o controle da Pearson Specter Litt.

 

27 de Outubro

Stranger Things 2

2ª temporada: Série original Netflix. A segunda temporada começa mostrando que, mesmo um ano depois de voltar do Mundo Invertido, Will continua estranho. Sua mãe faz de tudo para que as coisas voltem ao normal e até começa a namorar um antigo colega de classe.

O universo de Stranger Things 2 – Parte 1:

Minissérie original Netflix mergulha nos eventos peculiares ocorridos na cidade ficcional de Hawkins. Cada episódio analisa um assunto com o elenco, a equipe de produção e celebridades convidadas, enquanto se aprofunda na história, nos personagens e nas conspirações do universo de Stranger things.

 

Qual o melhor home theater para a sua casa?

Tela grande e pipoca. Um carro persegue o outro, um monstro surge do nada, uma música romântica embala o beijo de um casal. O barulho começa nas caixas de som que estão atrás da poltrona, depois passam para frente e por fim envolve a sala inteira. Essa situação é típica da sala de cinema, mas também acontece na sala de casa. Para isso é preciso escolher  qual o melhor home theater  para sua casa, que vai reproduzir a sensação das telonas no conforto do sofá.

No cinema as diversas caixas de som tentam envolver o espectador no filme com a intenção de passar um realismo maior. Assim como no cinema, o home theater tem a mesma função. O aparelho é composto por diversas caixas de som que, distribuídas corretamente na sala, tornam a experiência de ver um filme mais prazerosa.

LEIA TAMBÉM: COMO ESCOLHER O MELHOR PROJETOR PARA O SEU HOME THEATER

Home theater: o que ter em mente na hora da compra

Existem diferentes tipos de aparelhos. As variações vão desde a quantidade de caixas de som até o tipo de áudio que é emitido por elas. Para escolher o aparelho ideal é preciso levar em consideração as características de cada um e o espaço disposto em casa. Não adianta comprar um home theater com diversas caixas se elas não vão caber na sua sala na hora da instalação.

Outro fator que é uma influência na hora de comprar o aparelho é a televisão. Para simular uma sala de cinema em casa é preciso de uma tela grande. Uma TV com no mínimo 29 polegadas já causa um efeito melhor. É importante também avaliar todas as entradas da televisão para instalação do home theater. Com tudo isso em mente é hora de pesquisar qual modelo comprar para sala.

A Smart.Touch desenvolve para seus clientes projetos de Home Theater e instalação de sistemas de áudio e vídeo personalizados e customizados, seja qual for seu estilo. SOLICITE ORÇAMENTO

Tipos de home theater

É comum ver na descrição dos modelos  de home theater números como 5.1 e 7.1. O que eles significam? Os números antes do ponto se referem  à quantidade de caixas de som que vem com o produto. Ou seja, um home theater 5.1 terá cinco caixas. Já o número 1 após o ponto é relacionado a quantidade de caixas subwoofer, responsável pelas frequências graves. As outras cinco reproduzem os sons agudos e médios.

Posicionar duas caixas atrás do sofá, uma à esquerda e outra à direita, duas perto da TV, uma de cada lado também, e a quinta junto ao subwoofer abaixo da televisão é a disposição ideal para que os efeitos de som sejam realistas. Durante um filme, por exemplo, se um carro estiver entrando em cena, o som começará nas caixas de trás e passará para as que estão na frente.

A diferença do home theater 5.1 para o 7.1 não é apenas a quantidade de caixas a mais. Antes de comprar um modelo 7.1 é preciso checar sua compatibilidade com os aparelhos aos quais ele será conectado. Alguns filmes blue-rays, por exemplo, conseguem reproduzir os sete canais de áudio. Com espaço grande e aparelhos com entrada para o home theater 7.1, a experiência fica muito mais próxima da que o cinema promove.

Organização em casa

Não adianta comprar o modelo com mais caixas se a sala for pequena. Da mesma forma que deixar uma caixa muito longe da outra se o ambiente for grande deixará de proporcionar uma experiência mais próxima a da oferecida pelo cinema. O cuidado necessário é semelhante ao que se tem na hora de escolher o tamanho da televisão. Uma TV pequena longe dos olhos força a visão e uma grande próxima a cansa logo.

Alguns modelos de home theater permitem regular a altura da caixa de som. Para que os efeitos sejam melhores, a dica é deixar as caixas na altura dos ouvidos de uma pessoa sentada no sofá. Além do tamanho, outro detalhe importante são os fios. Existem no mercado aparelhos home theater wireless. Esse modelo evita que vários fios fiquem espalhados pela sala.

Caso o home theater escolhido tenha fios, é necessário prestar atenção em como ele será posicionado na sala, para não acontecer acidentes. Geralmente os aparelhos vêm com fios compridos que são reguláveis, ou seja, eles se adaptam a diferentes ambientes. O tamanho da sala e o tipo de televisão também definirão se o investimento será em um tipo 5.1 ou 7.1.

COMO ESCONDER A CONDENSADORA DO AR-CONDICIONADO

A condensadora é uma máquina que faz parte do sistema de ar-condicionado do tipo split, o mais usado atualmente.

Quando é preciso ter uma condensadora?

O ar-condicionado split é aquele em que o aparelho fica preso na parede, sem ser embutido.  Esse aparelho que fica dentro de casa é chamado de evaporador. E independente da quantidade de evaporadores que forem instalados, é preciso sempre que exista também uma condensadora.

Essa condensadora é uma máquina relativamente grande, e que tem ainda o inconveniente de precisar ficar em algum lugar externo, já que ela elimina a água do sistema. Por isso ela é normalmente colocada nas varandas dos apartamentos.

Como esconder a condensadora na varanda

Por ser uma máquina de grande porte, a condensadora não costuma se encaixar bem na decoração dos ambientes, nem mesmo da varanda ou do jardim. Mas existem formas de camuflar a condensadora e ainda aproveitar o espaço que ela ocupa. É preciso apenas tomar alguns cuidados:

  • A condensadora precisa de ventilação: A condensadora não pode ficar toda fechada em uma caixa, pois ela esquenta e precisa necessariamente de ventilação para não queimar e parar de funcionar. Sua principal função é a de ventilar o sistema. Por isso os fechamentos em volta da máquina devem ser vazados, com ripas que não se encostam, venezianas ou qualquer outro sistema que não impeça o ar de circular.
  • A condensadora precisa de manutenção: Os fechamentos em volta da condensadora costumam ser feitos sob medida, e por isso existe a tendência de fazê-los de forma fixa. Porém é importante que continue existindo acesso à maquina, para que seja possível mexer na tubulação em caso de quebra ou manutenção. Pode inclusive ser preciso tirar a máquina do local para trocá-la por outra, eventualmente. Por isso os fechamentos que forem feitos para esconder a condensadora devem ser móveis, ou então terem algum tipo de tampa ou de portas para permitir o acesso.

Automação Residencial ajuda a tornar a maior parte dos equipamentos eletrônicos da sua casa automático. Imagine controlar o ar condicionado, a televisão, as luzes, a cortina ou mesmo a irrigação do jardim com alguns cliques no seu iPhone ou no iPad. É a sua casa inteligente com automação residencial. SOLICITE ORÇAMENTO

Ideias para esconder a condensadora

Se todos esses cuidados forem tomados, basta deixar a criatividade fluir para decidir como a condensadora será escondida, sempre deixando o fundo e uma das laterais livres para a entrada da tubulação e para a saída da água. Algumas possibilidades são:

  •  Um banco em volta da condensadora:

esconder condensadora na varanda - biganimal

  • Uma caixa com tampa em volta da condensadora, que funciona como um aparador:

esconder maquina ar condicionado - pinterest - atelier do zero2

  • Um jardim sobre a condensadora, com portas:

esconder máquina ar condicionado - imgrum - compondo arquitetura

  • Um painel removível em volta da condensadora:

esconder condensadora na varanda - pinterest - atelier do zero

Por que você deve investir em caixas de som de R$ 23 mil

Caixa de som, definitivamente, não é tudo igual. Um bom equipamento faz toda a diferença na hora de apreciar uma gravação rara ou um show registrado com tecnologia 4k. Com o gadget certo, é possível ter a experiência de uma apresentação dentro de casa.

Com foco em proporcionar a melhor experiência em música, a marca francesa Devialet oferece o que há de mais premium. A marca foi fundada há 10 anos por um trio de profissionais com backgrounds diferentes: Quentin Sannié, empreendedor; Pierre-Emmanuel Calmel, engenheiro; e Emmanuel Nardim, designer. A combinação resultou em um fabricante de amplificadores compactos e altamente tecnológicos e avançados, que, atualmente, lidera o mercado de sound system de alta qualidade.

A eficiência é fruto de uma combinação de três tecnologias de ponta. A primeira é a nova classe de amplificação criada e patenteada pela empresa, batizada de ADH Intelligence. O sistema de microprocessamento híbrido une a sofisticação do sistema analógico à potência e compactabilidade do digital.

LEIA TAMBÉM: PARA QUE SERVE UM SUBWOOFER? CONHEÇA UM POUCO DESSA TECNOLOGIA

A segunda é a caixa inteira selada do Phantom, que tem concepção esférica, o que torna a emissão de som omnidirecional. Já o sistema HBI (Heart Bass Implosion) é uma exclusividade da linha que permite ultrapassar as limitações das caixas tradicionais e garantir sons ultra-graves por meio de movimentação lateral à alta pressão.

O resultado é zero distorção de áudio, zero saturação e zero barulho de fundo, entre 14Hz e 27kHz. Outro diferencial é a capacidade de reproduzir sons que só poderiam ser escutados em caixas 20 vezes maiores e, consequentemente, muito mais caras.

 

 

 

O soundsystem funciona por meio de Wi-Fi, bluetooth, ethernet ou cabo de fibra ótica, compatível com gadgets como smartphone, tablet, computador e televisão.

A série superpremium é apresentada em três modelos: Phantom, Silver e Gold, cada um com, respectivamente, 750W, 3000W e 4500W de potência. O Gold, lançado em 2016, é o mais recente e com maior potência. Todos eles são compactos e discretos, com formato similar ao de uma cápsula. As laterais, no entanto, são diferentes: o Gold tem detalhe banhado a ouro rosa 22 quilates e o Silver vem em aço escovado.

No Brasil, a primeira geração do Phantom está à venda por R$ 16.990. A versão Silver custa R$ 18.990, enquanto a Gold sai por R$ 22.990. A loja brasileira fica localizada em São Paulo. Há ainda oito pontos de vendas espalhados pelo país.

Dicas para deixar sua casa ficar com ar de primavera

Sol mais forte, dias mais longos, bom humor. É inegável o entusiasmo que a estação das flores promove no dia a dia e no espírito das pessoas. Da vontade de iniciar uma dieta mais frugal ao desejo de praticar exercícios físicos ao ar livre: todas essas sensações passam também pela decoração da casa, que ganha cores mais alegres e divertidas.

Para transformar ambientes invernais em lugares de clima veranil, algumas dicas bem simples são suficientes:

1) Não tenha medo em misturar cores

1

Foto: Vanessa Bohn/ Bohn Fotografias

Uma luminária de chão colorida pode sempre dar um ar mais divertido para o ambiente. Não se preocupe se as paredes da casa já tiverem alguma tonalidade marcante. Este é exatamente o espírito da brincadeira.

2) Mobília coringa

Foto: Cuadrado/Divulgação

Foto: Cuadrado/Divulgação

A transformação dos ambientes é sempre uma maneira de dar uma cara nova para a casa, e isso pode ser feito de uma maneira simples: desde mudar os objetos no espaço até colocar um quadro novo na parede. Apostar em mobiliários que podem ser mais curingas é sempre uma boa. Um buffet que pode ir na sala, mas que fica lindo também na cozinha, por exemplo – isso traz uma leitura mais divertida e hibrida para a casa.

Automação Residencial ajuda a tornar a maior parte dos equipamentos eletrônicos da sua casa automático. Imagine controlar o ar condicionado, a televisão, as luzes, a cortina ou mesmo a irrigação do jardim com alguns cliques no seu iPhone ou no iPad. É a sua casa inteligente com automação residencial. SOLICITE ORÇAMENTO

 

3) Muitas flores

3

Foto: Júlio Cordeiro/Agencia RBS

É impossível falar em uma boa decoração para dar as boas-vindas à primavera que não inclua as flores. Elas ficam lindas em vasos de porcelana portuguesa ou mesmo de vidro – e até em garrafas vazias de espumante ou vinho. Outra ideia bacana é apostar em objetos florais, como capas de almofadas para o sofá.

4) Luz, muita luz

4

Foto: Hermes Bezerra/Agencia RBS

O horário de verão é ótimo aliado para cultivar hortas dentro de casa, já que temperos precisam de sol e luminosidade. Eles podem ser armazenados em vasos e cachepôs próximos à janela da cozinha e na varanda. Manjericão, salsinha e alecrim são ótimas pedidas.

Confira 9 recursos de automação residencial que uma casa inteligente pode ter.

A automação residencial é o processo pelo qual você torna a sua casa mais inteligente, fazendo com que os ambientes sejam integrados com a sua rotina por meio de equipamentos automatizados.

Vamos dar um exemplo para que você possa entender melhor: ao ter uma casa automatizada, você pode acionar, com um único comando, o fechamento das cortinas do quarto, apagar ou acender todas as luzes de um ou mais cômodos, iniciar o monitoramento da casa por câmeras de segurança e regular a temperatura do ar-condicionado de acordo com a hora do dia.

LEIA TAMBÉM:  AUTOMAÇÃO RESIDENCIAL PARA PEQUENOS APARTAMENTOS

1. Controle de acesso por biometria

Esqueceu as chaves? Não tem problema. Coloque o seu dedo no sensor biométrico e a porta será aberta. Possui uma diarista que limpa a sua casa duas vezes por semana? Cadastre a digital dela e estabeleça quais são os dias e os horários em que ela está autorizada a entrar na sua residência. Caso alguém tente entrar na sua residência e a fechadura não reconhecer a biometria dessa pessoa, um alerta pode ser enviado diretamente para o seu celular.

2. Sistema de alarme sem fio

Um bom sistema de alarme sem fio evita que você tenha que conectar todos os equipamentos por fiação. Com mais praticidade, você mesmo consegue instalar o alarme. Basta colocar os sensores de presença e de abertura nas portas e janelas, escolher um lugar para a central, ajustar o volume das sirenes e pronto! O resto do controle você faz pelo smartphone. No mercado, você encontra opções que funcionam com e sem internet (neste último caso, o funcionamento se dá por SMS ou linha fixa).

3. Limpeza da água da piscina

Com um equipamento adequado para esta finalidade, basta programar os intervalos para que a água da piscina possa aquecer e o filtro funcionar. Além de conforto, você também economiza a energia elétrica das bombas hidráulicas.

Automação Residencial ajuda a tornar a maior parte dos equipamentos eletrônicos da sua casa automático. Imagine controlar o ar condicionado, a televisão, as luzes, a cortina ou mesmo a irrigação do jardim com alguns cliques no seu iPhone ou no iPad. É a sua casa inteligente com automação residencial.SOLICITE ORÇAMENTO

4. Definição de cenários de iluminação

Uma iluminação para cada finalidade. Quer assistir TV? Acione o cenário pré-definido e pronto, as luzes serão reduzidas para que o brilho da TV não seja ofuscado. Deseja jantar? As luzes sobre a mesa de jantar serão acesas. E assim por diante. Quem define a quantidade de cenários de iluminação é você.

5. Ajuste pré-programado de temperatura

Sabe aquele dia cansativo de trabalho em que, ao chegar em casa, tudo o que você deseja é um bom banho e a sua cama quentinha? Com a automação do ar-condicionado da sua casa, isso é possível. Além de acioná-lo enquanto estiver na rua, por meio de um aplicativo no seu smartphone, você também pode programar a temperatura dele.

O ar-condicionado também pode fazer uma dobradinha com os ambientes, regulando junto com a iluminação a temperatura.

6. Aquecimento do piso

Nas regiões mais frias do nosso país e do mundo, o piso aquecido é uma realidade. Ao automatizá-lo, você regula a sua temperatura de acordo com cada ambiente. Tudo é feito por um único controle, que também pode ser combinado com as luzes e a temperatura do ar-condicionado ou aquecedor.

7. Preparação do seu banho

Lembra do tópico 5? Banho e cama quentinha? Agora, ao chegar em casa, a sua banheira já pode estar cheia e aquecida. Com um comando via internet, você aciona o funcionamento dela e das bombas de hidromassagem.

8. Acionamento das torneiras por toque

Quando a gente acorda e vai ao banheiro, por vezes não encontramos o interruptor para ligar a luz. Esqueça dele. Agora basta apoiar as mãos sobre a bancada da pia e as torneiras ligam, juntamente com as luzes. O espelho fica iluminado e você consegue fazer tudo o que precisa.

9. Eletrodomésticos mais inteligentes

Você vai buscar as crianças na escolinha de natação no meio da tarde. Na volta, programou um lanche para servir para elas. Deixe o pão de queijo no forno, sem a necessidade de ligar, e vá buscar a garotada. Enquanto espera elas entrarem no carro, acione o fogão pelo smartphone e o pão de queijo estará prontinho quando chegarem.

Da mesma forma, algumas geladeiras fazem uma parceria muito interessante com os seus usuários. Cadastre os alimentos perecíveis antes de guardá-los nela e ela te avisará quando eles estiverem para vencer. Aproveite o painel touch da geladeira para organizar a lista do supermercado, ler notícias e relembrar uma receita.

Decoração de escritório: como escolher as cores das paredes?

Uma boa decoração de escritórios é fundamental para agregar estilo e personalidade aos espaços internos. Por esse motivo, é comum ver cada vez mais empresas apostando na composição temática dos locais de trabalho como forma de estimular a produção e melhorar a experiência dos colaboradores.

Pensando no valor dessa solução, trouxemos hoje algumas dicas para a decoração de escritório focando na importância das cores. Saiba como elas influenciam na percepção do ambiente e escolha a tonalidade ideal para as paredes!

 

Qual é o papel das cores na decoração?

A definição das cores que vão compor paredes de um ponto comercial ou escritório não pode se limitar à finalidade estética. Durante a escolha, é preciso considerar que ambos são ambientes destinados à realização de trabalhos profissionais e que, portanto, precisam oferecer conforto e qualidade visual aos usuários.

Para ter uma ideia, cada uma das tonalidades conhecidas gera sensações diferentes e únicas no ambiente onde se aplicam. Assim, nos dão a possibilidade de modificar o clima e energia do espaço interno conforme a necessidade deste, mesmo que de forma sutil. Em um escritório, a escolha adequada da cor da parede pode gerar estímulos e inspirar novas ideias para a manutenção de um trabalho contínuo e eficiente.

Como escolher as cores na decoração de escritório?

Há quem diga que um ambiente profissional deve sempre expressar seriedade e manter uma decoração limpa. Porém, ao considerar a existência de diferentes escritórios, essa afirmação não parece fazer muito sentido.

Se cada um desses espaços exerce atividades próprias e específicas, por que não pensar em uma composição que também contribua com o ritmo dos trabalhos? Veja abaixo como definir as cores para esse objetivo:

Escolha uma cor para cada atividade

Dependendo das funções que englobam, os escritórios podem ser organizados em diferentes espaços e nichos de trabalho. Dessa forma, cabe a você escolher a cor das paredes conforme a atividade realizada em cada sala. Para isso, confira um pouco das sensações geradas pelas principais tonalidades:

Azul

É ideal para colorir paredes de ambientes que exigem processos criativos. Isso porque esse tom acalma e promove a comunicação e o vínculo entre as pessoas. É a pedida certa para profissionais que costumam aplicar o exercício de brainstorming.

Amarelo

Atua como um forte estimulante, sendo indicado para ambientes que exijam movimento e desenvolvimento rápido de atividades. Se usada em excesso, pode aumentar a ansiedade e deixar as pessoas impacientes e irritadas. Por esse motivo, não é um tom indicado para paredes de sala de reuniões.

Vermelho

O vermelho puro é uma cor forte e marcante que estimula o batimento cardíaco. Embora seja considerada exagerada para alguns ambientes profissionais, ela se mostra positiva em ambientes que demandam concentração e foco em detalhes.

Verde

Por ser um tom que se aproxima da natureza, está associado a paz e tranquilidade. Quando utilizado em tons mais pastéis, como o verde água, auxilia as atividades que exigem inspiração e inovação.

A SMART.TOUCH OFERECE SOLUÇÕESCOMPLETAS EM ÁUDIO E VÍDEO PARA SALAS DE REUNIÕES, TAIS COMO MESAS DE SOM, AMPLIFICADORES, MICROFONES, TABLET, CAIXAS DE SOM, HOME THEATER, PROJETORES, TELAS DE PROJEÇÃO, CABOS, SISTEMAS ESPECIALIZADOS PARA VIDEOCONFERÊNCIA E SISTEMAS QUE COMANDAM E INTEGRAM ESSES EQUIPAMENTOS. SOLICITE ORÇAMENTO

Cuidado com a primeira impressão

recepção de um escritório é responsável por causar a primeira impressão do local aos clientes. Por esse motivo, tome muito cuidado na hora de escolher a cor que vai compor as paredes desse ambiente. Diferente das salas de trabalho e de reunião, esse local pede uma decoração com um pouco menos de personalidade.

Para não errar e agradar diferentes públicos, a dica é evitar o uso das cores fortes e optar por tons que se aproximam do branco ou cinza. Para quebrar a presença do neutro, use elementos decorativos, como quadros, obras e esculturas. As folhagens em vasos também ajudam a acrescentar cor e textura às paredes sem prejudicar a organização do ambiente.

Evite a predominância do branco

Quando falamos de ambientes corporativos, logo imaginamos grandes salas de paredes brancas; no máximo um tom de creme, gelo ou cinza. Felizmente, essa ideia está mudando em muitas empresas, que, ao entenderem a influência das cores nas sensações, têm buscado agregar novas combinações nas superfícies.

Quando optamos pela predominância de tons neutros e opacos, contribuímos para deixar toda a composição monótona. Para quem passa o dia inteiro trabalhando e desenvolvendo ideias em uma sala branca, isso não é legal. Com o tempo, vem o tédio e, com ele, a ausência de inspiração para criar.

Precisamos entender que até mesmo um ambiente de trabalho necessita de movimento, e as cores desempenham muito bem esse papel. Por isso, a dica é que você inclua pequenos pontos de cor nesses espaços.

Eles podem aparecer em uma única parede ou serem aplicados em listras, desenhos geométricos e murais. Usando a criatividade, você pode até pintar uma área para transformar a parede em um elemento funcional, como um quadro de ideias e avisos.

Harmonize as paredes com outros elementos

Por fim, a escolha da cor das paredes também deve levar em conta os elementos já existentes no escritório. A não ser que você vá trocar todo o mobiliário, é importante pensar nos materiais utilizados nas cadeiras, mesas e outras superfícies do ambiente. Dessa forma, você evita a mistura excessiva de tons e texturas e alcança a composição desejada.

Como exemplificado acima, as salas mais neutras (cinza, branco, gelo) pedem elementos em outras tonalidades. Portanto, se o seu escritório tem móveis em madeira ou com acabamento escuro, você poderá se sentir livre para pintar as paredes de branco ou com tons pastéis. Por outro lado, mobílias opacas e neutras combinam muito bem com paredes em um tom mais forte ou vivo.

Considere também as tonalidades presentes nos tecidos da cortina, tapete e móveis estofados da sala. Além disso, pense nas superfícies fixas, como portas e janelas e considere harmonizar seus materiais com as cores escolhidas para o escritório.

Agora que você já conhece um pouco do poder das cores, aproveite para pesquisar referências e escolher a combinação ideal para a decoração de escritório. Dessa forma, você não só cria um ambiente acolhedor para as equipes de profissionais como também valoriza a percepção do cliente.

Dicas de paisagismo para ambientes pequenos

Morar em apartamento não significa estar longe das flores e plantas. E não tem nada melhor do que viver em contato com esses elementos, pois trazem a sensação de tranquilidade para o dia-a-dia. Além disso, o paisagismo traz requinte e elegância para um ambiente.
Mesmo em espaços reduzidos é possível criar um pequeno jardim ou pelo menos usar plantas em diferentes cômodos da casa. Basta escolher as plantas certas para ambientes internos, saber equilibrar com objetos decorativos e gostar da natureza, do verde.
Claro que você terá alguns cuidados frequentes de manutenção, mas vale a pena. E se você gosta e se identifica, vá em frente! O verde traz frescor e vida para sua rotina. Veja algumas dicas que reservamos para você se inspirar.

Como decorar usando plantas em espaços pequenos
Se você pretende criar um espaço dentro do apartamento para cultivar plantas, aproveite um cantinho da varanda ou sacada. Ali, por conta da ventilação e iluminação, será mais fácil mantê-las e cultivar mais variedades, se quiser. Uma decoração com toques elegantes e alguns elementos neutros vão deixar o ambiente harmonioso. Aposte em objetos coloridos e materiais orgânicos, como madeira ou pedra. A iluminação valoriza ainda mais esse cantinho e por isso não pode ser esquecida.
Se você ainda acha que não tem esse espaço no seu apartamento, invista em um jardim vertical. Fica um charme e pode ser aliado à decoração. Um profissional que trabalhe com paisagismo tem como ajudar você a fazer as escolhas certas.

Como usar plantas em ambientes internos
Dentro de casa também é possível cultivar plantas. Pesquise e escolha das espécies que se adaptam a esses ambientes. Pequenos cactos, se adaptam mais facilmente ao banheiro, já o bonsai pode ser usado em ambientes internos desde que tenha a incidência do sol da manhã ou do final da tarde.
Se você tem um espaço próximo à janela, com boa iluminação, na cozinha, faça uma pequena horta em vasos. Hortaliças, ervas e pimentas são ideais e deixam a cozinha ainda mais bonita. E o melhor, você ainda pode cozinhar com temperos fresquinhos colhidos da sua própria horta!

Quais vasos utilizar no seu jardim
A escolha dos vasos também é importante para compor o seu jardim, leve em consideração o acabamento, as cores e o designer do vaso. O mercado oferece diferentes modelos que devem ser definidos de acordo com o tipo de planta e o estilo do jardim. Cuidado ao escolher vasos muito pesados, pois facilita a manutenção das plantas.

Como fazer a manutenção do seu jardim
Crie uma rotina de manutenção do seu jardim, seja ele na varanda ou dentro de casa. De preferência, as plantas que tenham cuidados parecidos, será mais fácil para lembrar. Molhe, faça a poda frequente, a limpeza dos pratos e verifique se precisa de reposição de terra ou algum tipo de adubo.

APLICATIVOS PARA DECORAÇÃO DOS AMBIENTES

Os aplicativos para decoração podem ajudar na tarefa de medir e escolher móveis e cores para os ambientes, facilitando a visualização. A orientação de um profissional é sempre importante na hora de decorar, mesmo com esses aplicativos, pois um arquiteto ou designer pode direcionar as escolhas de materiais e objetos de uma maneira mais objetiva e também que funcione melhor em todos os sentidos, não só esteticamente. O bom profissional sabe o que é mais prático, mais eficiente em cada caso, mais adequado tecnicamente e também mais vantajoso em termos de custo. Mas os aplicativos são muito úteis para visualizar alguns detalhes e ter algumas ideias.

Lista de aplicativos de decoração:

Aplicativos para medir os ambientes
  • Photo Measures Lite: Disponível para iOS e Android gratuitamente, esse aplicativo não mede as paredes mas permite que se armazene as medidas em fotos, para levar a uma loja de móveis por exemplo e saber se eles cabem ou não.
  • Smart Tools: Disponível para Android em versão paga, mede as paredes e a altura dos ambientes através da câmera do celular, com simples toques.
  • Room Scan: Disponível para iOS em versão paga, mede as paredes e a altura dos ambientes fazendo um escaneamento do local e criando também uma planta baixa.

 

  • Automação Residencial ajuda a tornar a maior parte dos equipamentos eletrônicos da sua casa automático. Imagine controlar o ar condicionado, a televisão, as luzes, a cortina ou mesmo a irrigação do jardim com alguns cliques no seu iPhone ou no iPad. É a sua casa inteligente com automação residencial. SOLICITE ORÇAMENTO

Aplicativos de decoração para se inspirar
  • Aplicativo Viva Decora: Disponível para Android, mostra diversas fotos de ambientes projetados por profissionais para estimular as ideias de maneira geral. É possível salvar as fotos em álbuns e encontrar profissionais de arquitetura e decoração.
Aplicativos para escolher as cores dos ambientes
  • Crie Suvinil: Disponível para iOS e Android gratuitamente, o aplicativo permite visualizar as paredes que aparecem em fotos com qualquer cor de tinta da Suvinil.
  • Coral Visualizer: Disponível para iOS e Android gratuitamente, também serve para visualizar diferentes cores nas paredes das fotos, neste caso as cores de tinta da marca Coral.

aplicativos de decoração - escolher coresImagem: Crie Suvinil

Aplicativos para calcular gastos da decoração
  • Aplicativo Reforma Casa: Disponível para Android gratuitamente e feito pela revista Arquitetura & Construção junto com a Arquitecasa, esse aplicativo lista os materiais e mão-de-obra necessários para a sua reforma, com os respectivos custos.
Aplicativos para ver móveis no ambiente
  • Autodesk Homestyler: Disponível para iOS e Android gratuitamente, esse aplicativo permite a visualização de móveis, luminárias e cores de parede nas fotos tiradas dos seus ambientes.
  • Amikasa: Disponível para Windows e iOS gratuitamente, este aplicativo permite que você escaneie uma parte da casa e o decore virtualmente, colocando móveis e outros acessórios em formato 3D.

Já pensou em automatizar seu apartamento ou casa?

A automação residencial é o processo pelo qual você torna a sua casa mais inteligente, fazendo com que os ambientes sejam integrados com a sua rotina por meio de equipamentos automatizados. Um sistema de automação bem planejado e instalado otimiza muito mais que o sistema de áudio e vídeo da sua residência, ele pode ajudar a economizar energia e outros recursos. Para conseguir essa redução de gastos é preciso planejar um sistema que atenda as necessidades atuais e futuras da moradia.  Conheça algumas inovações que você pode incorporar ao seu lar.

LEIA TAMBÉM: AUTOMAÇÃO RESIDENCIAL PARA PEQUENOS APARTAMENTOS

Iluminação: controle integrado e remoto de toda a iluminação da casa, permitindo a ambientação para ocasiões específicas (jantar, filme, festa, etc.). Utilização de sensores para acionamento automático de persianas e outras funções do ambiente, resultando em um sistema de iluminação eficiente apropriado, econômico e de bom gosto.

Climatização: comandos de climatização (aquecedor e ar-condicionado) especificados de acordo com o tamanho do ambiente a ser climatizado.

Automação Residencial ajuda a tornar a maior parte dos equipamentos eletrônicos da sua casa automático. Imagine controlar o ar condicionado, a televisão, as luzes, a cortina ou mesmo a irrigação do jardim com alguns cliques no seu iPhone ou no iPad. É a sua casa inteligente com automação residencial. SOLICITE ORÇAMENTO

Controle de jardim: acionamento remoto de sistemas de irrigação em quintais, varandas ou jardins, controlando e racionalizando o uso da água.

Abertura de portas e portões: abertura e fechamento através de um touch ou IPhone. Ou também abertura de portas através de uma fechadura com leitor biométrico, onde é dado acesso a determinados cômodos da residência para as pessoas autorizadas.

Segurança de câmera IP: a câmera IP Wi-Fi é um modelo em segurança de CFTV, com infravermelho que pode ser controlada via internet remotamente de qualquer lugar.