Livros para começar 2017 com o pé direito

Para quem deseja começar o novo ano com o pé direito, um bom livro motivacional pode ser uma ótima inspiração. Afinal, ler bons títulos será sempre uma experiência transformadora.

 

ANSIEDADE 2 – AUTOCONTROLE

Neste livro, o psiquiatra e psicoterapeuta Augusto Cury revela os segredos para gerenciar o estresse e desenvolver o autocontrole, essencial para uma vida emocional saudável e plena. O autor apresenta a diferença entre ansiedade e estresse e ressalta que os dois são essenciais para a sobrevivência humana, mas que, como tudo na vida, precisam ser dosados.

 

POR QUE FAZEMOS O QUE FAZEMOS?

Bateu aquela preguiça de ir para o escritório na segunda-feira? A falta de tempo virou uma constante? A rotina está tirando o prazer no dia a dia? Anda em dúvida sobre qual é o real objetivo de sua vida? O filósofo e escritor Mario Sergio Cortella desvenda em “Por que fazemos o que fazemos?” as principais preocupações com relação ao trabalho. Dividido em vinte capítulos, ele aborda questões como a importância de ter uma vida com propósito, a motivação em tempos difíceis, os valores e a lealdade – a si e ao seu emprego. O livro é um verdadeiro manual para todo mundo que tem uma carreira, mas vive se questionando sobre o presente e o futuro. Recheado de ensinamentos como “Paciência na turbulência, sabedoria na travessia”, é uma obra fundamental para quem sonha com realização profissional sem abrir mão da vida pessoal.

Automação Residencial ajuda a tornar a maior parte dos equipamentos eletrônicos da sua casa automático. Imagine controlar o ar condicionado, a televisão, as luzes, a cortina ou mesmo a irrigação do jardim com alguns cliques no seu iPhone ou no iPad. É a sua casa inteligente com automação residencial.

 rede wi-fi

 

O PODER DO AGORA

Combinando conceitos do cristianismo, do budismo, do hinduísmo, do taoísmo e de outras tradições espirituais, Tolle procurou elaborar um guia para a possível descoberta do potencial interior. Este livro pretende ser um manual que ensina as pessoas a tomar consciência dos pensamentos e emoções que podem impedi-las de vivenciar a alegria e a paz que estão dentro delas.

 

12 SEMANAS PARA MUDAR UMA VIDA

“12 Semanas para mudar uma vida” é um livro que contém o programa da Academia de Inteligência de Qualidade de Vida (PAIQ), que é constituído de doze leis fundamentais da qualidade de vida, tais como gerenciar os pensamentos, administrar a emoção, libertar a criatividade, reeditar o filme do inconsciente, ser autor da sua história. Este programa poderá ser uma pérola existencial, um projeto de vida para jovens e adultos.

 

DESPERTE SEU GIGANTE INTERIOR

O livro revela como funciona nosso sistema de tomada de decisões e de que forma podemos usá-lo para obter o que desejamos – Anthony Robbins, o maior especialista em neurolinguística do mundo, se dedica ao poder ilimitado que todos nós possuímos. Segundo o autor, temos a capacidade de mudar o que quisermos em nossa vida em apenas um instante, pois quando focalizamos consistentemente nossos recursos no aperfeiçoamento de uma área, desenvolvemos características únicas nesse sentido. Por meio de histórias inspiradoras, estudos de casos, testes de autoajuda e um programa que qualquer pessoa é capaz de seguir, o autor ensina a romper padrões de comportamento e a promover grandes mudanças pessoais.

 

O ANO EM QUE DISSE SIM – COMO DANÇAR, FICAR AO SOL E SER SUA PRÓPRIA PESSOA

Você nunca diz sim para nada. Foram essas seis palavras, ditas pela irmã de Shonda durante uma ceia de Ação de Graças que levaram a autora a repensar a maneira como estava levando sua vida. Apesar da timidez e introversão, Shonda decidiu encarar o desafio de passar um ano dizendo “sim” para as oportunidades que surgiam. Os “sins” iam desde cuidar melhor de sua saúde até aceitar convites para participar de talk shows e discursos em público. Além disso, Shonda deu um difícil passo: dizer sim ao amor próprio e ao seu empoderamento. Em O Ano em que disse sim, Shonda Rhimes relata, com muito bom humor, os detalhes sobre sua vida pessoal, profissional e como mergulhar de cabeça no “Ano do Sim”.

dicas de Drinks sem álcool para o Reveillon 2017

Para ninguém ficar de fora do tão esperado brinde da meia noite no Reveillon 2017, selecionamentos algumas receitas de drinks sem álcool para todos comemorarem juntos a chegada de 2017 com ótimas vibrações! Olha só:

BEBIDA CÍTRICA

Resultado de imagem para drinks para o reveillon maça verde

INGREDIENTES

Meia maçã verde picada

Meia maçã vermelha picada

2 ramos de hortelã

250ml de suco de abacaxi

Raspas da casca de laranja

250ml de água com gás

1 colher (sopa) de açúcar demerara

MODO DE PREPARO

Em uma jarra, faça camadas com a maçã verde, a maçã vermelha e a hortelã. Adicione o suco de abacaxi, as raspas de laranja e mexa bem com a ajuda de uma colher. Adicione a água com gás e o açúcar demerara. Sirva gelado.

PINK LEMONADE

Resultado de imagem para PINK LEMONADE

INGREDIENTES

1 xícara (chá) de limão siciliano

2 xícaras (chá) de água

½ xícara (chá) de suco de groselha

1 colher (sopa) de açúcar mascavo ou demerara

Gelo á gosto

MODO DE PREPARO

Em um liquidificador, bata bem todos os ingredientes. Decore com cerejas e com fatias de limão siciliano.

BEBIDA REFRESCANTE DE ROMÃ

Resultado de imagem para drink com romã

INGREDIENTES

3 gomos de laranja

4 morangos

Meio kiwi

Meio maracujá

20ml de xarope de romã

Gelo á gosto

100ml de água tônica ou água com gás

MODO DE PREPARO

Em um copo, de preferência alto, amasse todas as frutas até soltar uma calda. Acrescente o xarope de romã, o gelo e finalize com a água tônica ou água com gás. Mexa delicadamente para misturar todos os ingredientes. Decore com folhas de hortelã e fatias finas de laranja.

Dicas de decoração para o Reveillon 2017

 

A decoração de ano novo 2017 precisa ser planejada com antecedência, para que a festa de réveillon fique bonita, temática e animada. Na hora de decorar o ambiente festivo, seja a casa ou o salão, é fundamental pensar na disposição dos enfeites, na paleta de cores e na montagem da mesa principal.

A festa de ano novo precisa ser capaz de transmitir alegria e glamour através da sua decoração. A confraternização tem um ar sofisticado, mas nada impede de colocar em prática ideias fáceis e baratas para poupar dinheiro. Até mesmo os enfeites natalinos podem ser reaproveitados na decoração de réveillon.

decoracao-de-ano-novo-2015-ideias-simples-e-baratas-1

Velas com lentilhas

Providencie forminhas de metal e coloque uma vela no centro de cada uma delas. Depois, preencha com lentilhas. Esses castiçais diferentes podem decorar a mesa da ceia e atrair boa sorte.

decoracao-de-ano-novo-2015-ideias-simples-e-baratas

Balões dourados

Os balões não podem faltar na decoração da festa de ano novo. Para deixá-los flutuando no ar, basta enchê-los com gás hélio.

decoracao-de-ano-novo-2015-ideias-simples-e-baratas-6

Garrafas decoradas com flores

As garrafas de vidro, que seriam jogadas no lixo, podem se transformar em enfeites pendentes para decorar o ambiente da festa de reveillon. Adicione algumas flores em cada recipiente e obtenha um resultado incrível.

decoracao-de-ano-novo-2015-ideias-simples-e-baratas-12

Cupcakes temáticos

Uma forma criativa de decorar a festa de réveillon é apostando nos cupcakes para montar um relógio. Decore cada bolinho com um algarismo romano. Depois, posicione os cupcakes na bandeja redonda. Use papel cartão preto para fazer os ponteiros no centro.

Herman Miller lança nova versão da Aeron

Barack Obama escreveu sua versão de 2015 do State of the Union Address, o discurso que o presidente americano deve fazer anualmente para o Congresso, sentado em uma Aeron. Outra personalidade fã da premiada cadeira produzida pela Herman Miller é o cantor Pharrell Williams. Nos seus 22 anos de existência, a fama do produto, alcançada principalmente por sua ergonomia e seu design, invadiu até mesmo a ficção. No episódio 354 do desenho animado Os Simpsons, Homer sonhou que ninguém menos do que Deus estava sentado em uma Aeron.

A Aeron é a cadeira mais vendida da Herman Miller. Em pouco mais de duas décadas, 7 milhões de unidades já foram despachadas para mais de 134 países. Essas pessoas vão usá-la por muito tempo. A Aeron é feita para durar – prova disso é sua garantia de 12 anos.

aeron_hm3

Quando foi lançada, em 1994, sem a tradicional espuma revestida por tecido presente nas cadeiras de escritório, a Aeron revolucionou o segmento. Sua tela, que faz as vezes de assento e encosto, tem incontáveis pequenos furos que deixam o ar passar. “O usuário nunca vai levantar com a roupa molhada de calor”, diz Maria Paula Zajar, gerente de produto para a América Latina da Herman Miller.

O modelo ganhou o prêmio Designs da Década, concedido pela Industrial Designers Society of America, na categoria Móveis para Escritório, e faz parte da coleção permanente do Museu de Arte Moderna de Nova York (MoMA).

Os museus cumprem o papel de reunir em seus acervos os melhores exemplos de arte feitos pela humanidade através dos tempos. A Aeron está no panteão dos objetos produzidos pelo homem”, afirma Fernanda Feitosa, diretora da SP-Arte. Ela e o arquiteto Mauricio Arruda foram convidados pela Herman Miller para divulgar no Brasil a nova versão da Aeron, cujo lançamento mundial ocorreu em 20 de outubro. Os dois gravaram vídeos sobre o produto para divulgação nas redes sociais da marca.

corporativo

A Herman Miller gastou dois anos de pesquisa para chegar à nova versão. “Em um mercado onde modelos novos são tão valorizados, revisitar uma peça campeã de vendas e deixá-la ainda melhor é demonstrar respeito com o meio ambiente e com o cliente”, afirma Mauricio Arruda. A Aeron possui 39% de conteúdo reciclado e 91% dela é reciclável. Na versão atual foram removidos alguns compostos químicos como uretano, neoprene e cloreto de metileno.

"Não é fácil você se manter relevante e conseguir renovar um produto quase 20 anos depois que ele foi criado", diz Fernanda Feitosa

“Não é fácil você se manter relevante e conseguir renovar um produto quase 20 anos depois que ele foi criado”, diz Fernanda Feitosa

Para promover as 12 mudanças presentes na nova cadeira, a companhia contou com a assistência de Don Chadwick, um dos designers responsáveis pela criação do produto. Bill Stumpf, que também assinou a Aeron, morreu há dez anos. “Sentar na cadeira hoje é uma experiência completamente nova. Mas ela ainda é uma cadeira Aeron”, disse Chadwick após a conclusão do projeto.

A estrutura atrás do encosto, que antes tinha foco no sacro (osso da parte de trás da bacia), agora também beneficia a lombar. O ajuste para as duas áreas é feito de maneira independente. “Dessa forma, mesmo sentado, o usuário continua com a coluna no formato de S, postura natural quando se está de pé”, afirma a gerente de produto Maria Paula. A Aeron possui outras três estruturas para o encosto, que podem ser escolhidas de acordo com as necessidades de uso de cada um.

Encosto, assento e braços estão entres as partes que receberam melhorias (Divulgação)

Encosto, assento e braços estão entres as partes que receberam melhorias (Divulgação)

As telas do assento e do encosto, juntas, ganharam oito zonas com diferentes tipos de tensão, característica que melhorou o conforto e a mobilidade de quem está sentado. Na versão anterior, a tensão era distribuída de forma homogênea. O mecanismo embaixo do assento, chamado Tilt, que ajusta postura, altura e equilíbrio da cadeira, está mais fácil de usar. Antes, para chegar à configuração ideal, o usuário acionava o mecanismo até 52 vezes. Na nova versão, o ajuste perfeito é alcançado com, no máximo, 13 movimentos. O Tilt também ficou menor e contribuiu para um aspecto mais “clean” da cadeira. Os rodízios tiveram uma pequena mudança no desenho e estão mais silenciosos.

Já os braços, que antes só tinham regulagem para altura e ângulo, agora ganharam ajuste de profundidade. A nova opção é importante, por exemplo, na hora de chegar a cadeira perto da mesa. Como o braço da Aeron vai para a frente e para trás, o usuário pode aproximar a cadeira da mesa o quanto desejar sem perder o benefício do apoio. “Já o ajuste do ângulo depende da atividade que a pessoa está executando no momento. Para usar o mouse, o braço da cadeira pode ser virado para fora. Na hora de digitar, ele é direcionado para dentro”, diz Maria Paula.

Durante toda sua história, a Aeron só foi produzida na cor grafite. Agora, ela também apresenta os tons mineral (quase branco) e carbono. “Estamos seguindo as tendências de mercado. Atualmente, muitos escritórios são claros, e as novas cores se adequam à decoração”, afirma Maria Paula. Outra novidade diz respeito ao material da estrutura da cadeira. Desde o relançamento, o produto, que antes era feito apenas de alumínio, também está disponível em náilon, material mais leve e antirriscos. “É comum o usuário colocar os pés na base da cadeira, e a versão de náilon tem a vantagem de não riscar”, explica a gerente.

Vinícolas imperdíveis para conhecer na Toscana – Itália

Quem gosta de vinho sabe que ele promove a alegria do encontro e da celebração, o prazer de compartilhar momentos especiais. Destinos vinícolas na Toscana unem as duas melhores coisas da vida de forma mágica: viajar e celebrar, seja a dois ou com um grupo de pessoas queridas.

Inspirada pela época da colheita das uvas no hemisfério norte, veja na galeria de fotos quatro dos melhores hotéis de vinhos da Toscana, propriedades encantadoras, cercadas por paisagens inesquecíveis:

1-borgo-san-felice-2

Toscana, Itália

Borgo San Felice

Um autêntico borgo do século 8, aninhado entre as colinas do Chianti, restaurado e convertido em fabuloso relais & châteaux… Cercada por vinhedos a perder de vista, a propriedade de 140 hectares engloba a villa medieval com capela, ruelas estreitas, pracinhas pitorescas e construções originais que abrigam 53 quartos e suítes. A apenas 30 minutos de Siena, o Borgo San Felice resume o melhor da dolce vita, com terroir produzindo o melhor Chianti Classico, dois restaurantes gastronômicos e centro de bem-estar. Para os que gostam de pedalar, a região tem mil encantos a serem descobertos sobre duas rodas.

Não perca
Tour exclusivo para degustar o maravilhoso Brunello Campogiovanni; piquenique na horta do Borgo San Felice (romântico e cool!). Dica kids: as crianças adoram a experiência na horta com o chef, seguida de uma ice cream lesson.

2-rosewood-castiglion-del-bosco-1

Toscana, Itália

Rosewood Castiglion del Bosco

Em 2003, Massimo Ferragamo se apaixonou pela propriedade do século 13 e decidiu comprá-la. Restaurou a vila medieval e criou um dos mais lindos resorts da Itália, no coração da região produtora do Brunello di Montalcino, no Parque Val d’Orcia — patrimônio natural da Unesco. O lugar é a verdadeira celebração do espírito italiano, com seus vinhedos deslumbrantes e hospitalidade impecável. São 23 suítes e dez ville espetaculares, golf club particular (único na Italia), spa com tratamentos La Prairie, dois restaurantes e escola de culinária somente para hóspedes. E é claro: vinhos incríveis, Brunellos incomparáveis!

Não perca
Prove os sabores da Toscana, acompanhados de um vino rosso na Drogheria Franci, em Montalcino. Visite a pequenina vila e termas romanas Bagno Vignoni, intocadas pelo tempo. Curta o pôr do sol em um romântico piquenique no vinhedo Capanna do Castiglion del Bosco.

Indian Springfield, mais leve e mais ágil

O nome é uma referência à cidade de Massachussets, onde surgiu a marca Indian, em 1901. Confira a avaliação completa da moto

O estilo de motocicletas imposto pelos dois maiores fabricantes norte-americanos do século 20 baseia-se na personalidade única de cada uma delas. O que começou como uma limitação tecnológica e de projeto, que resultou em motocicletas grandes e pesadas, com motores igualmente grandes para dar conta do recado, tornou-se uma marca registrada daquele mercado.

Indian Springfield 2017

E a customização a que cada um submetia sua própria motocicleta, fosse para melhorar o desempenho, ou então para individualizar o visual, acabou sendo incorporada pelos designeres, passando a fazer parte do portfólio de cada marca. É o que ainda acontece hoje, um século depois.

Traduzindo para o caso específico da Indian, isso define a família Chief, que compartilha a estrutura mecânica entre todas as versões, cada uma com seu estilo individual. Complementando o line-up formado pela Chief Classic, a Chieftain, a Chief Vintage e a Roadmaster, chega agora a Springfield, lançada em seu país de origem há apenas 5 meses e montada em regime de CKD em Manaus, AM.

O nome da nova motocicleta refere-se à cidade de Springfield, onde, em 1901, surgia a marca Indian. A Indian Springfield é uma bagger, que é o nome que se dá às motocicletas que têm bolsas laterais (bags). Nesse caso, uma hardbagger, como a Chieftain, diferente da Chief Vintage, que, por ter malas laterais de couro, é chamada de softbagger. A Chief Classic é classificada como cruiser e a Roadmaster como touring.

hotbike-2016-iindian-springfield-test-01

Apesar de sua aparência baseada nas motocicletas do início do século passado, assim como todas as versões citadas a Indian Springfield tem bastante tecnologia, como o quadro de alumínio forjado, o acelerador eletrônico (sem cabo) e o vigoroso motor V2 Thunder Stroke 111, com cilindrada de 1.811 cm 3 e torque de 16.5 kgfm. O funcionamento desse motor é extremamente suave, com câmbio de 6 marchas de engates silenciosos e transmissão secundária por correia.

A Smart.Touch desenvolve para seus clientes projetos de Home Theater e instalação de sistemas de áudio e vídeo personalizados e customizados, seja qual for seu estilo.

home-theater

Acelerando a moto gigante da Indian

A dirigibilidade da nova Indian Springfield é muito parecida com a das outras Chief, porém com geometria da suspensão dianteira modificada de forma a permitir maior agilidade, em relação às outras. O ângulo de cáster foi reduzido de 29º para 25 º , o que fez o trail (distância entre o contato do pneu no solo e a projeção da linha da cabeça do quadro) reduzir de 155 mm para 132 mm. A facilidade de pilotagem é nítida, fazendo com que a motocicleta pareça até mais leve.

Melhor do que as explicações técnicas, no entanto, são as descrições estéticas da motocicleta. A parte frontal é dominada pela grande quantidade de cromados, que não são ocultados pelo grande para-brisa removível. Este pode ser retirado e recolocado em poucos segundos e sem ferramentas, com a possibilidade de travá-lo para evitar furto. Outro ponto de grande valor na Springfield é o banco de couro legítimo, incluindo garupa.

A Indian Springfield custa R$ 94.990, com pintura em duas cores como a da foto. Totalmente preta, a Springfield custa R$ 91.990. A Indian Springfield cinza metálica com detalhes vermelhos custa R$ 3.000 a mais que a inteiramente preta

 

TENHA UMA REDE DE WI-FI SEGURA NO CONDOMÍNIO

Não é nenhuma novidade que no mundo no qual vivemos hoje, com tantos avanços da tecnologia, as famosas redes de wi-fi segura são muito cobiçadas por muitos. Sendo assim em condomínios também não é diferente. A maioria dos que moram ali já possuem seus próprios celulares. Dessa forma então muitos condomínios têm iniciado processos que buscam implantar uma rede de wi-fi grátis para todos moradores. Mas alguns condomínios ainda não possuem uma rede wi-fi  segura para os moradores e deseja iniciar o processo de implantação de uma rede grátis para todos, mas não sabem como fazem isso. Pensando nisso que vamos dar algumas dicas para que o wi-fi seja adquirido pelo condomínio, veja.

REDE WI-FI NA ACADEMIA

 

Sendo assim para que se possa iniciar o processo para ter uma rede wi-fi segura  no condomínio é importante em primeiro lugar que se encontre uma boa empresa que forneça internet com um preço bem acessível. Algumas empresas disponibilizam serviço de internet e telefonia para condomínios com excelentes preços, mas é importante lembrar que o wi-fi fica limitado para todo o condomínio. Sendo assim o ideal mesmo é que se forneça o wi-fi somente em áreas comuns do condomínio.

Automação Residencial ajuda a tornar a maior parte dos equipamentos eletrônicos da sua casa automático. Imagine controlar o ar condicionado, a televisão, as luzes, a cortina ou mesmo a irrigação do jardim com alguns cliques no seu iPhone ou no iPad. É a sua casa inteligente com automação residencial. SOLICITE ORÇAMENTO

rede wi-fi

 

Assim existem algumas empresas que possui soluções de wi-fi para condomínios com controle de acesso, assim cada usuário tem uma senha para acessar a internet pelo Wi-fi. Dessa forma, diferente das outras redes, que possuem somente uma única senha ou as vezes nem possuem senhas, essa citada acima possui uma senha para cada usuário, e assim o condomínio determina como deve ser o funcionamento da rede.

Arquitetura: uma das profissões mais antigas da humanidade

Hoje é o Dia do Arquiteto. Então vamos conhecer um pouco mais sobre esta profissão .Uma das profissões mais antigas da humanidade, a arquitetura foi se modificando ao longo da história e se adequando, sempre, ao seu tempo, não deixando de ser atual. Tanto que o mercado para esse profissional sempre existiu com diversas oportunidades e áreas para se atuar. Uma profissão com tanta história e importância, não poderia deixar de encantar quem a escolhe e quem apenas a admira.

 

ARQUITETOS QUE FIZERAM HISTÓRIA

1 – Renzo Piano

O arquiteto italiano se destaca não apenas pelos projetos altamente tecnológicos, mas também por trabalhar com a chamada arquitetura sustentável. Ou seja, os projetos procuram ser menos invasivos pois respeitam a topografia do terreno e a construção harmoniza com a paisagem natural.

Fallin Water, Pensilvânia. Crédito: Robert Ruschak.

Fallin Water, Pensilvânia. Crédito: Robert Ruschak.

2 – Frank Lloyd Wright

O norte-americano Frank Lloyd é cultuado entre o meio arquitetônico pelas construções residências, dentre elas destaca-se a Casa da Cascata, localizada no estado da Pensilvânia.

Fundação Louis Vuitton, Paris, França. Credito: Iwan Baan.

Fundação Louis Vuitton, Paris, França. Credito: Iwan Baan.

3 – Frank Owen Gehry

A arquitetura desconstrutivista está muito ligada ao canadense Frank Gehry. Em seus trabalhos, o arquiteto contraria as regras da física e os atrela à modernidade. O resultado final é uma obra que contrasta o moderno com o pós-moderno.

Hemisfèric, Valência, Espanha. Crédito: Martina Storm

Hemisfèric, Valência, Espanha. Crédito: Martina Storm

4 – Santiago Calatrava

A natureza é uma das maiores inspirações do espanhol Santiago Calatrava que consegue harmonizá-la a arrojados projetos arquitetônicos que têm o aço e vidro como principais matérias-primas.

Galaxy SOHO, Pequim, China. Crédito: Jonathan Leijonhufvud

Galaxy SOHO, Pequim, China. Crédito: Jonathan Leijonhufvud.

5 – Zaha Hadid

A arquitetura feminina não poderia estar melhor representada. A iraquiana Zaha Hadid é um dos grandes nomes do cenário arquitetônico pois traz projetos ousados que seguem a linha descontrutivista.

Catedral de Cristal, Garden Groove/CA, Estados Unidos. Crédito: Hoàng Khai Nhan.

Catedral de Cristal, Garden Groove/CA, Estados Unidos. Crédito: Hoàng Khai Nhan.

6 – Philip Johnson

Responsável por popularizar os chamados arranha-céus “caixa de vidro”, o americano Philip Johnson é considerado um dos pais da arquitetura moderna e um dos principais arquitetos do século XX.

Burj Al Arab, Dubai, Emirados Árabes. Credito: AllWalls

Burj Al Arab, Dubai, Emirados Árabes. Credito: AllWalls

7 – Tom Wright

O britânico Tom Wright é o responsável por uma das obras contemporâneas mais famosas. Localizado em Dubai, capital dos Emirados Árabes, o Burj Al Arab é reverenciado pelos apaixonados por arquitetura pelo projeto inovador e design fascinante e majestoso.

Casa Farnsworth, Plano, Illinois, Estados Unidos. Crédito Greg Robbins.

Casa Farnsworth, Plano, Illinois, Estados Unidos. Crédito Greg Robbins.

8 – Ludwig Mies van der Rohe

As linhas puras são as marcas registradas do alemão Ludwig Mies van der Rohe. Sofisticadas, as obras do arquiteto têm como características as linhas retas e a utilização de uma geometria clara voltada à sofisticação. Foi um dos criadores do movimento “International style” (estilo internacional), o qual inspirou diversos arquitetos de todo mundo, inclusive o brasileiro Oscar Niemeyer.

Museu do Louvre, Paris, França. Crédito: I.M. Pei.

Museu do Louvre, Paris, França. Crédito: I.M. Pei.

9 – Ieoh Ming Pei

O arquiteto sino-americano é um dos grandes representantes da arquitetura moderna ainda em atividade. Possui obras espalhadas em todo mundo, como a Galeria Nacional de Arte localizada em Washington (EUA), Torre do Banco da China em Hong Kong e a Pirâmide do Museu do Louvre em Paris.

Museu do Olho, Curitiba/PR, Brasil. Crédito: Joel Rocha.

Museu do Olho, Curitiba/PR, Brasil. Crédito: Joel Rocha.

10 – Oscar Niemeyer

É impossível fazer uma lista sobre os maiores arquitetos de todos os tempos sem mencionar o brasileiro Oscar Niemeyer. Considerado um expoente no modernismo, ficou famoso por dar vida ao projeto de Brasília, tal como projetou a sede da Organização das Nações Unidas. Foi o primeiro brasileiro a conquistar o Prêmio Pritzker, o Nobel da Arquitetura.

Sydney Opera House, Sydney, Austrália. Crédito: Juliana Rezende

Sydney Opera House, Sydney, Austrália. Crédito: Juliana Rezende

11 – Jørn Utzon

O dinamarquês é um dos arquitetos mais importantes da história pela Ópera de Sydney, construída em 1959. Além disso, foi um dos grandes nomes da arquitetura moderna e expressionista.

One Central Park, Nova Zelândia. Crédito: Roberto Portolese

One Central Park, Austrália. Crédito: Roberto Portolese

12 – Jean Nouvel

O francês Jean Nouvel é lembrado pelas obras imponentes e que desafiam as leis da física, e um dos principais nomes da arquitetura contemporânea. Os projetos de Nouvel dialogam com  a natureza, criando um estilo arrojado e único.

Habitat 67, Montreal, Canadá. Crédito: Roberto Portolese

Habitat 67, Montreal, Canadá. Crédito: Roberto Portolese

13 – Moshe Safdie

Focadas no meio ambiente, as criações do israelense Moshe Safdie trazem a questão da sustentabilidade e a necessidade de atrelar a comunidade ao meio ambiente.

 

Centre Pompidou, Metz, França. Crédito: Didier Boy de la Tour.

Centre Pompidou, Metz, França. Crédito: Didier Boy de la Tour.

14 – Shigeru Ban

Com designes inovadores, as obras do japonês Shigeru Ban trazem o conceito de construções ecoeficietes, utilizando em suas estruturas materiais alternativos que tornam a construção mais barata.

Fachada principal da Villa Savoye, França. Crédito: Daniel Cuaresma.

Fachada principal da Villa Savoye, França. Crédito: Daniel Cuaresma.

15 – Le Corbusier

O arquiteto suíço é considerado um dos maiores arquitetos do século passado e as curvas e ondulações são uma de suas marcas registradas. Conhecido por ter sido o criador da Unité d’Habitation (unidade de habitação), e referência do arquiteto brasileiro Lucio Costa na construção de Brasília.

Como a arquitetura da empresa pode influenciar na produtividade

Projeto corporativo

É bem provável que você já tenha visto algum escritório do Google, não é? Seja a matriz global, localizada em Mountain View, nos Estados Unidos, ou a unidade brasileira localizada em São Paulo. Talvez tenha visto, ainda, o escritório matriz do Facebook, também localizado nos Estados Unidos.

O que essas duas empresas fazem em comum com os seus espaços internos e externos? Se olharmos para cada um dos escritórios mencionados, poderemos afirmar com segurança que eles em nada se assemelham. No entanto, ambas sabem muito bem que a arquitetura da empresa é indispensável para o sucesso.

De fato a arquitetura da empresa pode influenciar muito mais do que se pode imaginar. É por isso que resolvemos mostrar, neste artigo, como ela pode melhorar a produtividade do seu negócio.

projeto-corporativo

Como a arquitetura da empresa pode fazer a diferença?

Antes de mais nada, é preciso avaliar o que as grandes empresas têm em comum, no que diz respeito à sua arquitetura. Considerando, ainda, os exemplos do Google e do Facebook, podemos dizer que tanto uma empresa quanto a outra adotam uma arquitetura singular, que reflete exatamente o espírito da empresa, proporcionando uma mudança no clima e na cultura organizacional, além de uma melhoria na produtividade.

Por outro lado, a arquitetura propriamente dita, adotada por cada empresa, em nada se parece com a da outra. Enquanto o escritório do Facebook prefere uma estrutura mais sóbria e horizontal — sem paredes, inclusive — o que demonstra a isonomia dos funcionários e a quebra da hierarquia, no caso do Google, podemos perceber um ambiente lúdico e estimulante.

A SMART.TOUCH OFERECE SOLUÇÕES COMPLETAS EM ÁUDIO E VÍDEO PARA SALAS DE REUNIÕES, TAIS COMO MESAS DE SOM, AMPLIFICADORES, MICROFONES, TABLET, CAIXAS DE SOM, HOME THEATER, PROJETORES, TELAS DE PROJEÇÃO, CABOS, SISTEMAS ESPECIALIZADOS PARA VIDEOCONFERÊNCIA E SISTEMAS QUE COMANDAM E INTEGRAM ESSES EQUIPAMENTOS.

corporativo

Cada empresa é singular

Embora tenhamos dado exemplos de escritórios bem-sucedidos, que conseguiram fazer um bom uso da arquitetura, não existe uma resposta certa e genérica para todo e qualquer negócio. Cada organização tem as suas necessidades e características e, por isso, precisa desenvolver uma arquitetura singular, capaz de potencializar os resultados. Portanto, é importante contratar uma empresa especializada no assunto, para avaliar o seu caso, as suas necessidades e então desenvolver o melhor projeto possível.

Empresas que tenham uma série de processos e departamentos rígidos, por exemplo, precisam ser bem organizadas internamente, para que os departamentos se comuniquem da forma mais humanizada possível. O simples fato de o acesso a uma determinada sala ser facilitado, nesse caso, já é capaz de melhorar o clima e também a produtividade. Da mesma forma, em ambientes estressantes, salas de relaxamento lúdicas podem ser uma alternativa extremamente válida para o descanso dos profissionais.

Arquitetura Corporativa

Arquitetura Corporativa

Clima organizacional e produtividade

Não tenha dúvidas de que o ambiente interno pode refletir o ânimo dos profissionais. Com o clima organizacional ruim, a produtividade certamente vai despencar. Ao proporcionar um ambiente mais vivo, que seja condizente com as atividades desempenhadas, com os valores da empresa e dos profissionais que trabalham nela, certamente teremos um ganho expressivo em estímulo à produtividade.

Além disso, um bom ambiente pode ser o suficiente para impressionar um cliente em potencial, um investidor ou fornecedor, transmitindo mais segurança para essas pessoas e, ao mesmo tempo, refletindo diretamente os valores da sua empresa, sem que palavras precisem ser ditas. Por isso, não perca mais tempo e repense agora mesmo a sua arquitetura empresarial.

Como economizar energia elétrica com o ar-condicionado

O conforto que um aparelho de ar-condicionado proporciona é inquestionável nos dias quentes de verão, seja em casa, seja no trabalho. Mas o que deveria ser um benefício pode trazer uma surpresa não tão agradável no fim do mês. Como economizar energia elétrica com o uso do ar-condicionado é uma dúvida comum para a maioria das pessoas.

A boa notícia é que você não precisa (e nem deve!) abrir mão desse conforto, mas pode mudar algumas atitudes para fazer diferença no valor final da conta de luz – e de quebra contribuir com o meio ambiente. Sem falar que o bom uso do aparelho aumenta sua vida útil, gerando mais economia a longo prazo.

saiba-como-seu-ar-condicionado-pode-lhe-ajudar-a-secar-suas-roupas

Você está pensando em comprar um aparelho de ar-condicionado? Já comprou e pretende iniciar a instalação? Ou você já possui um aparelho de ar-condicionado? Independentemente da resposta, a economia é possível em todas elas. Confira abaixo as melhores formas de economizar:

Como economizar energia elétrica na escolha do ar-condicionado

Antes de comprar um aparelho de ar-condicionado, saiba que a escolha certa pode gerar economia de energia. Por isso, fique atento nessas dicas:

Selo Procel

Inicie a escolha pelos modelos que tem o Selo Procel de Economia de Energia – uma forma que o governo brasileiro encontrou para indicar aos consumidores quais são os aparelhos mais eficientes e, naturalmente, que economizam mais energia. Os modelos que têm recursos como o timer, onde o aparelho é programado e desliga sozinho, também são uma ótima opção.

Tecnologia Inverter

Ar-condicionado com tecnologia Inverter é o modelo que mais gera economia de energia. Esse sistema oferece maior eficiência energética a medida que ajusta o trabalho do compressor conforme a necessidade do ambiente. Com ele pode-se ter economia de até 40% em relação aos modelos convencionais.

img-automacao-scenario

Faça o dimensionamento da forma correta

No momento da escolha do equipamento é importante fazer o dimensionamento do ar-condicionado da forma correta. Nele são avaliados itens como o tamanho da sua casa, em qual cômodo ele será instalado e quantas pessoas farão uso. Assim você saberá qual a potência ideal para a sua necessidade. Consulte um técnico credenciado da marca para ajudá-lo nesse cálculo.

Como economizar energia na instalação do ar-condicionado

Agora que você já fez a escolha do melhor aparelho, é hora de iniciar a instalação. Você pode pedir ajuda ao técnico para fazer essas mudanças:

Não bloqueie as saídas de ar

Faça a instalação da unidade externa em local com boa circulação de ar, sem bloquear as saídas de ar e onde não bata luz do sol de forma direta – do contrário, ele trabalhará mais desnecessariamente.

No interior da casa, o aparelho deve ser instalado de forma que circule da melhor forma possível no ambiente. Escolha um local onde o fluxo de ar fique paralelo a maior dimensão do local. Evite deixá-lo perto de cortinas, móveis ou cantos de paredes.

Automação Residencial ajuda a tornar a maior parte dos equipamentos eletrônicos da sua casa automático. Imagine controlar o ar condicionado, a televisão, as luzes, a cortina ou mesmo a irrigação do jardim com alguns cliques no seu iPhone ou no iPad. É a sua casa inteligente com automação residencial. Solicite orçamento

automacao-residencial

Instale o ar-condicionado no alto

Quanto mais alto ele for instalado melhor, já que o ar frio tende a “descer”, ao contrário do ar quente que “sobe”. Você deve lembrar que até poucos anos instalava-se os aparelhos próximo ao chão – o que diminui sua eficiência justamente porque o vento frio não “sobe” para o resto do ambiente.

Confira o termostato

Aproveite para conferir com o técnico se o termostato está regulado da forma correta evitando frio excessivo e ainda mais gastos, afinal a variação de um grau pode elevar em até 8% o consumo de energia. Vale lembrar que a temperatura considerada agradável para a maioria das pessoas é de 22ºC a 24ºC.